domingo, 20 de novembro de 2011

Meio caminho andado

Ainda é muito cedo, mas depois de hoje à noite, o Sporting pode ter meia taça nas mãos. Não é desconsideração pensar que fora Porto e Braga, Benfica é o único rival da mesma dimensão que resta na prova. Poderão haver outros jogos difíceis, principalmente fora e principalmente contra Guimarães, Marítimo, Nacional, Setúbal ou como está visto...Académica. Mas evitando esses confrontos e esperando por embates entre primo-divisionários, podemos ter caminho bem mais largo até à final no Jamor.

O problema é se o Porto fica excluído da Liga Europa. Num par de semanas podemos ter um rival directo sem 2 competições em cima, sem o treinador deficitário que tem e completamente concentrado na Liga, onde ainda segue em primeiro. Torço para uma vitória do Porto na Champions e pela permanência de VP, pelo menos até ao embate com o Braga. Uma vitória hoje do Sporting sobre a ex-equipa de Domingos, "picaria" Jardim para um bom resultado frente aos Dragões.

O Sporting, com alguma sorte e competência pode derrotar o Benfica na Luz, depois de ver os últimos jogos da equipa de Jesus não seria nada de transcendental, e pode (bem mais importante) acabar esta semana no topo da tabela da Liga, facto que seria impensável no início da época...diga-se até para os adeptos do Sporting. Mas isso são apenas conjecturas de vários resultados, com algum optimismo, a verdade desta época é que jogo a jogo os níveis de estabilidade e tranquilidade são mais fáceis de controlar.

Hoje em Alvalade não espero um jogo fácil, bem pelo contrário, a partida entre o Braga e o Benfica mostrou-nos uma equipa minhota nada amedrontada, com personalidade a jogar as suas melhores cartas para derrotar um dos principais candidatos ao título. A jogar fora, apostarão num jogo com mais segurança defensiva, à espera das jogadas de ataque que Lima, Barbosa e sobretudo Alan consigam criar. O ponto fraco será sempre as faixas laterais, onde Carrilho e Capel terão a hipótese de conduzir muito jogo, pelo menos até servir Wolfswinkel mais adiantado ou Schaars e Elias em linhas de passe na entrada da área.

Se fosse de apostar, jogava todas as fichas nos remates de meia-distância ou nas bolas paradas, parece-me que este Braga é algo "nervoso" em bolas bombeadas para a área. Afinar a pontaria nos cantos ou livres indirectos pode ser a chave para a nossa vitória. Muita atenção à condução de bola de Alan, se "fecharmos" este "caminho" o Braga deixa de conseguir pensar e apenas reage.

Mas faz-se tarde e há um lugar à minha espera em Alvalade.
Até breve.


1 comentário:

  1. http://quadrotatico.forunspt.com/index.php

    Registem-se, é importante.

    ResponderEliminar